terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Avó teria queimado mãos de netos com grade de fogão em PE, diz polícia

Crianças de 4 e 7 anos estão em observação em hospital de São Caetano.

Mulher estava foragida por suspeita de um assassinato no Sertão do estado.



Uma mulher de 42 anos foi presa suspeita de torturar os netos na segunda-feira (22) em São Caetano, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, dois meninos - um de quatro e outro de sete anos - teriam furado o sofá da casa onde eles moram. Em seguida, a avó teria esquentado a grade do fogão e queimado as mãos das crianças.
Ainda segundo a polícia, a mulher teria tentado também queimar um outro neto, de dois anos, mas a mãe das crianças chegou e impediu a agressão. Os dois meninos foram levados para um hospital no município e estão em observação. De acordo com a unidade de saúde, as queimaduras são de segundo grau.
A Polícia Militar informou que pessoas que moram próximo à casa conseguiram deter a suspeita e aguardaram o efetivo chegar. A mulher foi levada para a delegacia do município e foi autuada em flagrante por tortura. Ela foi encaminhada à Colônia Penal Feminina de Buíque, também no Agreste. De acordo com a delegada Luciana Almeida, a avó estava foragida da Justiça porque era suspeita de assassinar uma mulher em Cabrobó, no Sertão.
Do G1 Caruaru 

Nenhum comentário:

Postar um comentário