Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Trabalhando

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Com cartazes e gritos de ordem, categoria cobra prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Professores ocupam prefeitura, não são recebidos e afirmam que não vão desistir

 Professores da rede Pública Municipal de Santa Cruz do Capibaribe realizam nesta sexta-feira (12), novas movimentação frente à secretaria de educação e da prefeitura, em reivindicação pela divisão de recursos do extinto FUNDEF. Professores se concentraram na secretaria de educação e saíram por algumas ruas até a prefeitura, com cartazes e gritos de ordem.

Profissionais criticam ‘mudança de discurso’ da gestão, antes e depois da eleição, além de declarações do gestor durante final de semana.
Para a categoria, 60% dos recursos devem ser destinados a quem trabalhou em sala de aula durante os anos de 2002 a 2006, visto como uma forma de ressarcimento de anos de desgastante para classe, e 40% em investimentos na educação.
O governo, no entanto, afirma que, por questões legais, seguindo recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o prefeito só poderá fazer algo com a verba após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).
Com aulas paralisadas desde a última quinta-feira (08), professores devem fazer nova assembleia para definir o rumo na tentativa de negociação.

“Não queremos o que é de ninguém, queremos o que é nosso”, afirmou a professora Elieudes Bezerra que criticou declarações recentes do prefeito, onde o mesmo teria afirmado, segundo ela, que ‘não era culpa do ex-gestor, a falta de aumento salarial para categoria’.

“Ele tentou jogara a população conta a gente se fazendo de vítima, para isso ele usou até a defesa do governo de José Augusto Maia”, diz e arremata no fim “Vivenciamos na pele o descaso que era no período. Ele (Edson) tenta desmoralizar a gente e não consegue, que mostre uma proposta digna para categoria”.

 Devido a suspensão da água, alguns professores (entre eles uma grávida) tiveram que beber o líquido através dos espaços na porta.

Confira o vídeo em um dos momentos de confusão na porta:



Blog do Ney Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário