Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Trabalhando

terça-feira, 7 de março de 2017

'Desova' de carros e motos na Serra dos Cavalos preocupa ambientalistas

Carros e motos estão sendo queimados no local, segundo ambientalistas.Falta de fiscalização nas entradas e saídas do Parque facilita crimes.



No início da noite desta segunda-feira (6) mais um incêndio foi registrado na Reserva de Serra dos Cavalos, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a prefeitura da cidade, a situação foi provocada pelo abandono de um veículo no local.

Por meio de nota, a secretaria de Sustentabilidade e Desenvolvimento Rural informou que o incêndio ocorrido foi provocado de forma criminosa. "As chamas não chegaram a atingir a mata ao redor, pois foram rapidamente controladas por membros da Associação Conhecer e Preservar e funcionários da secretaria", diz a nota.
A situação chama atenção de ambientalistas que estão preocupados com a falta de fiscalização no local, que conta com nove entradas e saídas sem nenhum controle. Os ambientalistas temem que a Reserva vire uma espécie de desova de carros e motos roubadas na cidade.
O professor de biologia Marcelo Bezerra disse que essa prática associada a queima dos veículos é um prejuízo a fauna e flora da última reserva de Mata Atlântica na cidade. "O fogo afugenta formas de vida animal e vulnerabiliza as diversas aves que criam os ninhos, forma de manutenção das espécies. A flora também sofre as consequências, além da modificação na composição do solo, quebra o elo de interdependentes dos vegetais, comprometendo a cadeia alimentar do ambiente", diz.
Membro da ONG Conhecer e Preservar, Tertuliano Rodrigues, disse que a situação preocupa pela reincidência de ações do tipo no local. "O Parque é desassistido totalmente e fica propício para deixar carros e motos, além da derrubada de árvores. O último incêndio que ocorreu lá foi devido a uma moto queimada e cinco hectares foram destruídos. As autoridades precisam atentar para isso", diz.
O Biólogo Alexandre Henrique lembra que de acordo com o Código Florestal, a Serra dos Cavalos trata-se de uma reserva biológica, na qual só é permitida a visitação apenas para estudos e com autorização. No entanto, de acordo com ele, atualmente qualquer pessoa tem acesso, possibilitando vários crimes, entre eles, queimadas, retirada de água, consumo de drogas e desova de veículos.
"No local encontramos carcaças de motos e de um automóvel. Precisamos urgentemente ter uma vigilância efetiva e permanente. Também não podemos esquecer das vantagens desta mata atlântica, como: absorção de gás carbônico (responsável pelo efeito estufa) e outros gases tóxicos, produção de oxigênio, grande climatizador deixando a temperatura mais baixa entre outras", disse.
A secretaria de Sustentabilidade e Desenvolvimento Rural não informou qual ação será feita de forma efetiva para intensificar a fiscalização no local, mas segundo o secretário Diogo Cantarelli, uma parceria com o exército será proposta, para que os homens do tiro de guerra possam fazer a segurança do entorno.

Do G1 Caruaru 

Nenhum comentário:

Postar um comentário