segunda-feira, 30 de abril de 2018

Brejo – Professores devem paralisar parcialmente em virtude de não reajuste salarial


 Em ofício enviado ao Sindicato dos Professores (Sinduprom), a prefeitura de Brejo da Madre de Deus confirmou que não fará reajuste salarial da categoria.
De acordo com o documento, os professores já receberiam acima do que dita o Piso Nacional da categoria e que “o município não dispõe, no momento, de receita suficiente para conceder o aumento”.
Segundo a prefeitura, o salário da categoria só poderá ser reajustado caso houver aumento no valor de repasses federais ao município.
Entramos em contato com a professora Luciene Cordeiro, que representa o sindicato da categoria. De acordo com ela, os professores decidiram, em assembleia, que vão promover paralisação parcial das atividades, dando aulas em apenas meio expediente.
Segundo ela, os alunos da parte da manhã terão aulas até as 10h e do turno da tarde., até as 15h. Ainda segundo ela, a paralisação parcial já tem início a partir da próxima quarta-feira (02) e deve persistir até que uma nova assembleia da categoria seja realizada.
O reajuste previsto, segundo o Sinduprom, era de 6,81%.

Blog do Ney Lima 

Nenhum comentário:

Postar um comentário