segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Polícia prende foragido de Canhotinho, acusado de homicídio em São Domingos


 Foi preso no último sábado (11), no Sítio Olho d’Água, zona rural de Brejo da Madre de Deus, Juarez Tavares da Silva (idade não informada). Ele estava foragido do presídio de Canhotinho e é acusado de um homicídio praticado em 2016 no distrito de São Domingos, também em Brejo.
De acordo com a polícia, Juarez confessa que matou, com um tiro na cabeça, o desafeto Jônatas Henrique da Silva (conhecido por “MC Kiko”), que tinha 17 anos.
Juarez estava no sistema semiaberto e, com uso de tornozeleira eletrônica, não retornou ao presídio na data estabelecida, sendo considerado foragido.
 De acordo com informações da Guarda Municipal de Brejo, que também esteve na ação, Juarez ainda tentou fugir da residência em que estava. Com o cerco realizado pela polícia, ele ficou sem saída.
Apresentado na delegacia de Santa Cruz ele confessou o crime com ‘riqueza de detalhes’ relatou o policial civil, Marcelo Malhas. Não foi repassado informações sobre motivação do crime.
O caso
Vítima ‘MC Kiko’ tinha 17 anos.
Jônatas Henrique da Silva (conhecido por “MC Kiko”), foi morto na manhã do dia 27 de novembro de 2016, na travessa Pedro Bruno. Ele regressava de uma apresentação musical feita num bar na Rua Tiradentes, na localidade conhecida como “Barrinha”.

Blog do Ney Lima 

Nenhum comentário:

Postar um comentário